Como conviver com um filho drogado


Como conviver com um filho drogado

Sabemos que o mundo todo enfrenta o drama com as drogas. A cada dia o tráfico de entorpecentes espalha seus tentáculos no intuito de levar mais e mais pessoas ao consumo desenfreado de drogas ilícitas. Por outro lado vemos que as drogas lícitas como o álcool acabam se tornando um problema que leva à destruição de muitas famílias. É justamente esses aspecto que muitas vezes é esquecido, pois além do dependente os seus parentes sofrem junto com ele, especialmente os pais. Por isso iremos dar algumas orientações neste artigo sobre como conviver com um filho drogado.

 

Esteja atento à vida que seu filho tem levado

Este é um conselho de caráter preventivo. Muitas vezes os pais têm alguma responsabilidade na dependência dos seus filhos, principalmente adolescentes e jovens, por não observarem e conversarem sobre esse assunto que é tão importante. Observe as atitudes de seu filho(a) e esteja atento a alterações de comportamento, desinteresse pelos estudos e atividades em família. Essas coisas podem apontar para o início de uma dependência.

 

Dialogue com ele(ela)

Uma das coisas mais importantes sobre como conviver com um filho drogado tem a ver com o diálogo. Muitos jovens tem procurado nas drogas as falta de conversa em casa e uma vez descoberto o vício só o diálogo pode refazer a ponte que está destruída ou danificada. Procure entender sem julgar, ouvir e juntos pensarem sobre como irão lidar com essa questão. Será importante para seu filho saber que seu pai está interessado em vê-lo vencer o vício.

 

Procure ajuda profissional

Muitos pais sofrem muito por tentarem lidar com questões que fogem de sua expertise, ou seja, tentam ajudar em coisas que só um profissional poderia ajudar. Nada de medicação sem consulta ou métodos que você acredita que irão funcionar no caso do seu filho(a) porque funcionou com o filho de uma pessoa conhecida, portanto, procure um profissional que avalie o caso e oriene o melhor caminho para tratar da dependência.

           

Seja sincero e diga não quando necessário

Se por um lado alguns pais são intrasigentes e simplesmente não procuram diálogo, outros pais fazem isso sem impor alguns limites. Apesar de saber que você como mãe ou pai estará sempre ali disposto a ouví-lo e compreendê-lo, o dependente precisa de sua ajuda quanto aos limites. Seja franco e saiba dizer não quando for necessário para o bem dele ou dela.

 

Procure saber mais sobre o tema

Alguns assuntos acabam sendo um tabu em nossa sociedade e esse é o caso do tema em questão. Se você quer saber como conviver com um filho drogado é muito importante que você leia mais sobre o tema e procure informar-se a respeito de tratamentos e de histórias de pessoas que superaram o vício. Quanto mais informação você tiver mais você poderá ajudar.

 

Amadureça junto com ele

Independente de quais serão os caminhos para o tratamento, é muito importante enxergar que, mesmo sendo uma situação muito difícil, vocês estão tendo a oportunidade de crescer juntos, e que mais do que a viória sobre o vício vocês podem ultrapassar essa situação mais fortes e mais unidos.         

Entramos em contato

Blog

Álcool e drogas no Carnaval

Álcool e drogas no Carnaval

O consumo de álcool e drogas no Carnaval realmente é uma prática comum, principalmente entre as pessoas que buscam formas de ficarem ainda mais des

O que leva os jovens a experimentar drogas?

O que leva os jovens a experimentar drogas?

De fato, há muitos motivos capazes de levar os jovens a experimentar drogas, sendo que entre as mesmas estão o álcool e os demais tipos de drogas e

Bebo cerveja todo dia posso ser um alcoólatra?

Bebo cerveja todo dia posso ser um alcoólatra?

Algumas pessoas se preocupam com o seu consumo de álcool e se questionam se “Bebo cerveja todo dia posso ser um alcoólatra?

O que um drogado é capaz de fazer

O que um drogado é capaz de fazer

Muitas pessoas, em especial as pessoas mais jovens, têm sido vítimas de algum tipo de depenência química.

Aceitamos diversos planos de saúde consulte
Planos de saúde
Podemos Ajudar?